Academia Fitness Militar

Notícias

Stress…o inimigo declarado da sua rotina de treino.

Stress…o inimigo declarado da sua rotina de treino.

Aquele momento em que deixa de seguir a sua rotina de treino porque passou um dia stressado, porque se sente cansado ou porque a sua vontade foi quebrada é paradoxalmente o mesmo momento em que se poderá libertar de todas essas tensões e sintomas acumulados ao longo do dia, que são claros sinais de stress.

Como se libertar deles…?
A resposta é simples…Vá treinar e não ceda!

O que é o stress?
Da sociedade moderna de todos conhecido, o stress é uma resposta fisiológica ou comportamental a um evento presente, passado ou futuro, que nos faz sentir ameaçados ou que de alguma forma perturba o nosso equilíbrio.
Estas reacções revelam-se através de sintomas de ansiedade, cansaço, perda de memória, alterações de humor, dores de cabeça ou peito entre outros, que prejudicam a saúde e consequentemente potenciam doenças não só psíquicas mas também físicas.

Identificar o stress
De forma errada, é levado a “materializar” o stress como um factor externo e existente no seu local de trabalho, numa estrada intransitável ou num local onde o conflito ou convergência de interesses desperta estados de ansiedade, irritação ou outras emoções negativas. Embora estes locais sejam favoráveis à criação de stress é premissa fundamental compreender que o stress é um estado psicológico criado por nós e que se tende a apoderar e transportar para a nossa vida privada e pessoal.

Destruir o stress…(Des)tressar…

“A percepção do efeito do stress é mais perigosa do que o stress em si!” 
Kelly McGonigal, uma psicóloga da Universidade de Stanford

  1. Faça exercício físico regular.
    Alivia a tensão muscular, estimula a produção de serotonina, canaliza emoções negativas através de descargas de energia acumulada.
  2. Contacte com a natureza.
    O contacto com a natureza privilegia o bem-estar físico e mental e uma respiração mais saudável na condição natural do homem e seu verdadeiro e único habitat.
  3. Horários de alimentação fixos.
    Aprenda a ter horários de alimentação bem definidos e dentro do tempo que define. Coma relaxadamente. Adicione a cada refeição um alimento probiotico.
  4. Concentre-se na sua respiração.
    Fazendo algumas pausas para inspirar profundamente, o seu cérebro oxigena melhor, regula o seu equilíbrio bio-energético e sistema nervoso.
  5. Mantenha-se conectado.
    Estabelecer pequenas e pontuais conversas ao longo do dia permitem ao seu cérebro descansar dos seus focos de tensão ou pressão.
  6. Faça pausas. 
    Tenha a preocupação de fazer pequenas pausas ao longo do seu dia, estas são fundamentais para repor energias, criatividade e manter o optimismo.


Bater com a “porta na cara” ao stress!
Quando insiste em instalar-se na nossa vida e ocupar o nosso espaço mental, é fundamental identificar o momento em que não permitimos que este tenha mais lugar nas nossas vidas.
É preciso dizer NÃO e seguir com a rotina com mais um treino para o destruir!

Facebooktwittergoogle_pluspinterestmailFacebooktwittergoogle_pluspinterestmail